Temperatura Basal: O que é e como Controlar?

Categorias: Dúvidas, Gestantes
Data: 29/10/2020   151 Views  

A temperatura basal é a temperatura do corpo medida imediatamente após a pessoa acordar. Essa medida deve ser feita antes de qualquer atividade física, preferencialmente até mesmo antes de sair da cama.

Fazer essa medida diariamente pode ajudar a mulher a conhecer o seu ciclo menstrual e até a saber qual é o dia da sua ovulação com maior precisão. Sabemos que imediatamente antes da ovulação a temperatura basal cai e que logo após a ovulação ela sobre cerca de 0,3 a 0,5 graus Celsius.

Gráfico Exemplo Temperatura Basal

Gráfico de temperatura corporal basal típico para um ciclo menstrual. A ovulação (no dia 14 neste exemplo) é marcada por uma leve queda na temperatura, seguida por um aumento de pelo menos 0,3 ° C nas 48 horas seguintes. A temperatura mais alta é mantida durante a fase lútea (segunda metade do ciclo). Picos aleatórios, como no dia 10, são comuns e devem ser ignorados. Se o ciclo durar mais de 28 dias, a ovulação provavelmente ocorrerá depois do dia 14.

Por que a temperatura basal aumenta na ovulação?

Quando a mulher ovula, um hormônio chamado progesterona também é liberado. Esse hormônio é responsável por aumentar a temperatura corporal. Por isso que podemos descobrir se a ovulação aconteceu fazendo o controle da temperatura basal.

Quando a Temperatura Basal aumenta?

A temperatura basal pode aumentar em diversas situações. Um resfriado por exemplo ou qualquer outra infecção que possa causar febre poderá aumentar a sua temperatura basal. Por um outro lado, um aumento na temperatura basal na segunda metade do ciclo também pode indicar que você está grávida, principalmente se esse aumento estiver associado com o atraso menstrual! Quando ocorre a fecundação o corpo lúteo continua produzindo progesterona, o que contribui para que a temperatura do corpo fique elevada.

Como se mede a Temperatura Basal?

Adquira um termômetro específico para isso. Idealmente ele deve ter uma precisão de 0,01 grau Celsius. A maneira mais precisa de medir a temperatura é pela via retal, entretanto certamente também é a via mais irritante. Alternativamente pode-se medir a temperatura vaginal, ela também é bastante confiável – desde que você não tenha uma infecção vaginal. Já a temperatura oral ou axilar não são consideradas confiáveis para esse controle. Lembre-se de usar o termômetro sempre no mesmo local pois essas áreas tem temperaturas um pouco diferentes.

Além disso é importante medir a temperatura antes mesmo de levantar da cama ou fazer muitos movimentos. A própria movimentação do corpo, como caminhar até o banheiro, poderá provocar um pequeno aumento na temperatura basal e esse aumento poderá ser confundido com o aumento da ovulação.

Lembre-se também de tomar nota dos dias “não confiáveis”. Estes são os dias aonde você fez algo que pode alterar um pouco a temperatura corporal, como ingerir álcool, usar algum medicamento diferente ou ter algum sintoma de doença. Até mesmo noites mal dormidas ou o jet lag podem alterar a temperatura corporal.

Quanto tempo preciso medir a Temperatura Basal?

É importante também medir a temperatura por alguns meses. Isso permitirá que você conheça bem o seu ciclo e possa planejar as relações sexuais para os dias de maior fertilidade. Anote a temperatura diariamente em uma tabela ou faça um gráfico. Isso permite que você identifique mais facilmente o período aonde ocorreu a alteração de temperatura.

O período fértil é uma janela de 5 dias antes da ovulação e vai até 24 horas depois de ovular. Ter relações nessa fase aumenta a chance de engravidar. Principalmente no dia da ovulação e no dia que antecede a ovulação.

Portanto a medida da temperatura basal pode ser usada tanto como método para engravidar como método anticoncepcional, desde que você conheça bem seu ciclo menstrual! E mesmo assim é importante avisar que este método não é tão eficaz quanto o uso de preservativo ou anticoncepcional oral, portanto se você ainda não quer engravidar, consulte seu ginecologista para escolher o melhor método.

Por outro lado, como a temperatura basal tem uma rápida modificação no período ovulatório, ela é relativamente precisa pra ajudar você a escolher o melhor dia para as relações sexuais. Entretanto obviamente recomendamos que este processo seja acompanhando por um ginecologista.

Categorias: Dúvidas, Gestantes
Data: 29/10/2020   151 Views