Pompoarismo: seus benefícios e como praticar

Categorias: Dicas, Gestantes
Data: 22/08/2022   20 Views  

O pompoarismo é uma técnica oriental que serve para melhorar e aumentar o prazer sexual. Por meio da contração e relaxamento dos músculos do assoalho pélvico, o pompoarismo garante benefícios surpreendentes para a saúde e sexualidade feminina.

Sexualidade feminina em alta

Finalmente estamos falando da sexualidade feminina. Já era tempo! Uma sexualidade que foi reprimida por toda a história da humanidade. A qual ainda ouvimos falar nos cantos, bem baixinho, pois ainda é tida como tabu. Por séculos a mulher teve seu direito de falar sobre sexo e de sentir prazer sexual negado pela sociedade. Desejo, excitação e prazer feminino eram proibidos e vistos como impuro e pecado.

Casal na cama

A técnica do pompoarismo estimula energia sexual e libera a tensão que impede que o prazer flua nas relações sexuais.

A anatomia feminina contradiz essa cultura social de maneira surpreendente, pois a mulher possui um órgão exclusivo para o prazer sexual: o clitóris. Esse órgão, ainda pouco explorado possui mais de 8 mil terminações nervosas, sendo portanto, o local de maior concentração de fibras nervosas de todo o corpo humano, masculino ou feminino.

Felizmente, com o avanço do conhecimento científico e da autonomia da mulher, hoje este assunto está em alta e a mulher pode desfrutar de mais prazer, ser mais feliz e ter assegurado seu direito humano básico: gozar de mais saúde.

Inclusive, caso a sua gestação esteja transcorrendo sem problemas, não há contra-indicação para a atividade sexual na gravidez!

Como o pompoarismo pode aumentar o prazer sexual

O pompoarismo é uma “técnica” e uma “dádiva oriental”, nascida na Índia e aperfeiçoada na Tailândia. É uma tradição milenar que é passada de mãe para filha.

A técnica consiste basicamente em fazer exercícios com os músculos do assoalho pélvico (que contemplam a vulva e vagina e estão ao redor do clitóris) . Esses músculos são pequenos e delicados, porém poderosos para melhorar e aumentar o prazer sexual da mulher e do parceiro.

Além dos exercícios de contração e relaxamento da musculatura do assoalho pélvico, pode-se utilizar acessórios específicos para o treinamento. O mais usado são as bolinhas tailandesas ou bolinhas de Ben wa.

No ocidente, essa técnica foi estudada primeiramente pela fisioterapeuta, pesquisadora e também dançarina Margaret Morris, na década de 1930 e doze anos depois foi protocolada pelo ginecologista americano Arnold Kegel.

Benefícios para a relação sexual

Os exercícios íntimos aumentam a circulação de sangue e, consequentemente, a sensibilidade local e consciência para a região pélvica, potencializando o orgasmo feminino. Até mesmo algumas posições sexuais podem aumentar as chances de engravidar!

Casal na Cama

O pompoarismo pode melhorar a saúde sexual do casal.

Outros benefícios também incluem coordenação e força dos músculos do assoalho pélvico, levando a uma melhora na lubrificação da mulher e no tônus muscular da região vaginal, favorecendo a penetração e criando novas possibilidades de prazer.

Os benefícios também incluem os parceiros, pois melhoram a sensibilidade no que se refere á penetração. De fato, a fama do pompoarismo, vem exatamente dos parceiros que sentiam a diferença nas mulheres que o praticavam.

Exercícios de pompoarismo podem ajudar na incontinência urinária?

Dentre outros benefícios do pompoarismo, podemos citar a melhora nas cólicas menstruais e sintomas pré-menstruais, melhora do tônus na região anal e a prevenção ou melhora de queda de órgãos pélvicos e incontinênia urinária – os famosos escapes de xixi.

Musculatura do Assoalho Pélvico Feminino

Musculatura do Assoalho Pélvico Feminino

Kegel, em sua vida acadêmica, trouxe á tona vários estudos sobre a relação dos exercícios íntimos com o tratamento da incontinência urinária. Atualmente, a os exercícios do assoalho pélvico entram como primeira linha de tratamento para várias disfunções pélvicas, incluindo a incontinência urinária.

Apesar do pompoarismo ser bem difundido pela população, ele não é recomendado para todas as mulheres. Tendo em vista que as mulheres orientais começavam a praticar desde cedo a técnica, deduzimos que a maioria tinham músculos saudáveis, o que não é a realidade para a grande maioria das mulheres. Existem algumas situações em que o exercício é contra-indicado e pode piorar condições anormais pré-existentes.

Assim como na academia existem exercícios específicos para cada grupo muscular, assim como número de repetições, carga e execução adequada, hoje, graças aos avanços da comunidade científica, existe avaliação específica para esse grupo de músculos e exercícios específicos para cada mulher.

O indicado é que todas as mulheres busquem um profissional de saúde específico para a região pélvica, para avaliar e tratar as disfunções antes de iniciar o pompoarismo. Estes profissionais podem incluir: ginecologista, urologista, coloproctologista e fisioterapeuta pélvico.

Por fim, todo esse autocuidado melhora exponencialmente a auto estima feminina, aumenta a libido e auxilia a mulher no redescobrimento de seu corpo e seu prazer. O que você está esperando para reacender essa chama?

Bianca Januário Abdalla – Fisioterapeuta Pélvica

Categorias: Dicas, Gestantes
Data: 22/08/2022   20 Views