Contrações de Treinamento (ou Braxton Hicks)

Categorias: Dúvidas, Gestantes
Data: 10/09/2014   52619 Views  

Conforme progride ao longo de sua gravidez, você poderá começar a sentir contrações estranhas em seu abdômen, como uma faixa apertada em toda a sua barriga. Estas contrações não são realmente dores do parto, mas sim as famosas contrações de Braxton Hicks, um dos sintomas mais comuns da gravidez.

O que são as contrações Braxton Hicks?

Nomeado em homenagem ao primeiro cientista a descobri-las, as contrações de Braxton Hicks são normalmente indolores e curtas, durando apenas um minuto ou dois. Elas podem ocorrer em toda a sua gravidez, mas geralmente aumentam no último trimestre. Elas tendem a ocorrer de maneira irregular e, embora desconfortável, elas não devem incomodá-la muito.

braxton hicks

Por que as mulheres têm contrações de Braxton Hicks durante a gravidez?

Apesar de não serem verdadeiras dores do parto, as contrações Braxton Hicks existem para ajudar você a se preparar para o parto. Muitas vezes chamadas de “contrações de prática”, as contrações de Braxton Hicks ajudam seu útero no futuro trabalho de parto. Elas ajudam a amolecer o seu colo uterino e exercitar todos os músculos que você usará para empurrar o bebê para fora. Sem a ajuda das contrações de Braxton Hicks, o trabalho de parto seria uma experiência muito mais difícil e dolorosa.

Quando é que começam as contrações de Braxton Hicks?

Normalmente, você deve começar a sentir as contrações de Braxton Hicks em torno de sua 28 ª semana. Entretanto, as contrações de Braxton Hicks podem começar durante o segundo mês em algumas mulheres. Você pode nem perceber das primeiras vezes que elas acontecerem. Se você já esteve grávida antes, você vai achar as contrações de Braxton Hicks muito mais fortes dessa vez.

As contrações de Braxton Hicks podem ser desencadeadas por alguma coisa?

As contrações de Braxton Hicks começam muitas vezes como um resultado específico de alguma ação. Por exemplo:

  • Atividade física ou esforço
  • Relação sexual
  • Desidratação
  • Tocar seu abdôme
  • O seu bebê que se desloca dentro de seu útero

Qual a diferença entre as contrações Braxton Hicks e as de parto?

Você pode achar que não saberá a diferença entre uma contração de Braxton Hicks e a verdadeira contração uterina; bem, você não é a única. Muitas mulheres preocupam-se em reconhecer os verdadeiros sinais do trabalho de parto. Mantenha estas coisas em mente quando estiver insegura:

  • Ao contrário das dores do parto, as contrações de Braxton Hicks não irão aumentar em intensidade. As dores do parto irão aumentar progressivamente a freqüência.
  • Contrações de Braxton Hicks passam sozinhas. As contrações do trabalho de parto não passam.
  • Contrações de Braxton Hicks tendem a ser irregulares, sem nenhuma característica especifica. Contrações do trabalho de parto são regulares, e progridem no sentido de aumentar a intensidade e frequência com o tempo
  • Contrações de Braxton não são tão dolorosas como as dores do parto.

Algumas dicas para diminuir o desconforto

  • Beba muita água. Desidratação pode gerar espasmos musculares, gerando uma contração.
  • Evite cafeína
  • Mude a posição em que você está ou alterne de atividades durante um tempo quando você tiver uma contração. Uma ligeira mudança no movimento por vezes faz desaparecer as contrações.
  • Urine quando você precisar. A bexiga cheia pode causar contrações de Braxton Hicks

Será que não é trabalho de parto prematuro?

Caso as contrações fiquem muito frequentes e muito fortes, você poderá estar com um trabalho de parto prematuro. Recentemente estratégias como a medida do colo uterino e a utilização de progesterona tem sido empregados para reduzir a incidência de trabalho de parto prematuro. Converse com seu médico pois ele poderá solicitar uma ultrassonografia transvaginal para medir o colo do útero na 20ª semana de gestação, junto com o exame morfológico.]

Estou sentido dores no umbigo, podem ser as contrações de Braxton-Hicks?

Geralmente as contrações de Braxton-Hicks não são dolorosas. Entretanto é relativamente comum sentir dores em dor no umbigo por causa do crescimento uterino.

Categorias: Dúvidas, Gestantes
Data: 10/09/2014   52619 Views