Técnica para Medida do Comprimento Cabeça-Nádegas (CCN)

Categorias: Lembretes, Médicos
Data: 21/08/2022   48 Views  

O comprimento cabeça-nádegas (CCN) é uma medida biométrica extremamente importante. A precisão na medição é fundamental para a datação da gravidez, avaliação do risco de aneuploidia e para todas as condutas que serão tomadas na gestação. O CCN pode ser medido por técnica transabdominal ou transvaginal.

Critérios para Medida do Comprimento Cabeça-Nádegas (CCN)

Técnica para Medida do Comprimento Cabeça-Nádegas (CCN)

Ítens que devem ser observados na medida do Comprimento Cabeça-Nádegas (CCN). Fonte: Instagram Fetalmed Escola.

1. O feto deve estar em posição neutra

A cabeça fetal deve ser neutra em relação ao corpo, sem hiperflexão ou hiperextensão

Hiperflexão: A cabeça fetal está flexionada sem espaço livre (líquido amniótico) visto entre a parte inferior do queixo e a parte anterior do pescoço

Hiperextensão: Fetal é estendido com um ângulo entre o queixo e o pescoço de mais de 90 graus

2. O feto deve estar horizontal na imagem

O feixe de ultrassom deve ser o mais perpendicular possível ao feto

3. O feto deve ocupar a maior parte da tela

O feto deve ocupar mais de 2/3 da largura da imagem. Toda a cabeça e a nádega devem ser vistas

4. O caliper deve ser posicionado corretamente

As barras transversais do caliper devem ser colocadas na borda externa da pele na cabeça e na nádega do feto.

O caliper caudal não deve estar na coluna distal, na parte posterior da coxa ou incluir membros.

O comprimento máximo do feto na linha cranio-caudal deve ser medido em uma linha reta paralela ao longo eixo do feto

5. A imagem deve ser obtida no plano sagital médio

Perfil, coluna e nádega são visíveis

Costelas, estômago e coração não devem ser vistos neste plano.

NOTA: Meça o CCN três vezes e utilize a média de três medidas.

Para determinar a idade gestacional com base no comprimento cabeça-nádegas, utilize nossa Tabela de CCN.

Categorias: Lembretes, Médicos
Data: 21/08/2022   48 Views