Cisto de Plexo Coróide

Categorias: Médicos, Vídeos
Data: 16/09/2014   16205 Views  

As imagens ultra-sonográficas dos plexos coróides consistem em estruturas hiperecogênicas, intra-ventriculares ao nível do corpo, trígono e corno inferior. A presença de estrutura cística no interior dos plexos, é facilmente visibilizada, particularmente entre a 16ª e 20ª semana de gestação.

O cisto de plexo coróide é considerado um marcador menor para aneuploidias, principalmente para trissomia do cromossomo 18, é rara a presença isolada do cisto como a única característica desta aneuploidia. Habitualmente associa-se a outras alterações anatômicas fetais identificadas ecograficamente. A incidência de cisto de plexo coróide em fetos normais variou de 0,4 a 2,8%, e em fetos com alterações cromossômicas de 0,5 e 7%.

box_alertO vídeo acima está publicado no YouTube e aqui você vê apenas um link para ele. Qualquer responsabilidade sobre a divulgação do vídeo na internet é do site YouTube.

Categorias: Médicos, Vídeos
Data: 16/09/2014   16205 Views