Bi-Rads US

Categorias: Tabelas
Data: 23/06/2011   2159 Views  

Categoria 0 – Necessita Avaliação Adicional

É utilizada quando encontramos uma imagem nodular com sinais suspeitos de malignidade numa paciente jovem (< 35 anos) que não tenha mamografia prévia. Nessa situação apesar de jovem é indicado complementação diagnóstica com mamografia. Na ultrassonografia essa categoria é muito menos usada em comparação ao critérios mamográficos.

Categoria 1 – Exame Negativo

Não foi encontrado nenhuma anormalidade.

Categoria 2 – Achados Benignos

Nessa categoria estão enquadrados os cistos simples, linfonodos intra-mamários, lipomas, fibroadenolipomas, fibroadenomas estáveis em exames consecutivos até completar 3 anos (36 meses).

Categoria 3 – Achados Provavelmente Benignos

Nessa categoria estão os cistos contendo ecos (esparsos ou com “nível”), microcistos aglomerados, nódulos sólidos com margens circunscritas, forma oval e orientação paralela a pele, semelhante a fibroadenoma.

Nessa categoria a chance de malignidade é menor que 2%.

Categoria 4 – Suspeição de Anormalidade

Categoria 4A: baixo risco de malignidade.

Categoria 4B: intermediário risco de malignidade.

Categoria 4C: moderado risco de malignidade. Nessa categoria encontramos sinais não clássicos de malignidade.

Na categoria 4 é necessário diagnóstico citológico ou histológico.

Categoria 5 – Altamente Sugestivo de Malignidade

Nesta categoria é indispensável o diagnóstico histológico.

Categoria 6 – Lesão com Diagnóstico Histológico de Malignidade

Geralmente utilizada na avaliação e follow-up de patologias sabidamente malignas.

Veja também: O que significa Bi-Rads?

Categorias: Tabelas
Data: 23/06/2011   2159 Views